Redação IBEGESP

17 junho 2019

Casa Notícias

BNDES Saúde investirá em mais de duas mil unidades que prestam serviço ao Sistema Único de Saúde

BNDES Saúde investirá em mais de duas mil unidades que prestam serviço ao Sistema Único de Saúde

Financiamento de cerca de R$ 1 bilhão impactará hospitais filantrópicos

 

Uma nova linha de crédito, a BNDES Saúde, deverá financiar hospitais filantrópicos que atendem o Sistema Único de Saúde (SUS). O financiamento será direcionado a cerca de duas mil unidades do setor. A crescente inserção de entidades filantrópicas na prestação de serviços de saúde é marcante, sendo que hoje cerca de metade dos atendimentos hospitalares de alta complexidade são realizados por tais entidades.

 

Neste sentido, é importante salientar a crise pela qual vem passando a saúde brasileira de modo geral e as entidades filantrópicas de modo particular. Vale lembrar que só no ano de 2015 foram fechados 218 hospitais sem fins lucrativos, 39 mil postos de trabalho e 11 mil leitos.  Diante deste cenário, o projeto BNDES Saúde proverá empréstimos de longo prazo, de 12 a 18 anos. O financiamento é realizado por intermédio de agentes financeiros e pode ser feito de forma direta ou indireta. O mesmo permite, ainda, o uso de recursos para a reestruturação de dívidas.

 

É essencial a análise do que tais entidades representam para a saúde brasileira. Com uma série de críticos e defensores, as entidades filantrópicas devem, sem dúvidas, ser acompanhadas com atenção, bem como as políticas de financiamento que são direcionadas a elas. Neste sentido, é válido apontar que o BNDES Saúde aparece com a promessa de melhoria da qualidade dos serviços prestados à população. Deve-se, deste modo, ter atenção a esta forma de financiamento e seu real impacto no cotidiano hospitalar brasileiro.

 

O que você, gestor público da área da Saúde, acha desta iniciativa? Comente!

 

Fonte: Redação IBEGESP

Fonte Complementar: Ministério da Saúde