Generic selectors
Resultados que batem 100%
Buscar no título
Buscar no conteúdo
Buscar nos posts
Buscar nas páginas

IBEGESP

Consultoria Digital

28 maio 2020

Nenhum comentário

Home Notícias

Como criar um plano de ação para o home office pós-quarentena?

Como criar um plano de ação para o home office pós-quarentena?

O home office foi adotado durante a pandemia para garantir a continuidade dos trabalhos da Administração Pública, e tudo indica que permanecerá em partes, mesmo após o isolamento social terminar. Saiba como criar um plano de ação e porque é importante investir em curso de Administração Pública.

O trabalho remoto foi adotado rapidamente pelo Brasil, dado as circunstâncias do alto nível de contágio do novo coronavírus. A abordagem traz diversos desafios, mas pode ser muito vantajosa para a Administração Pública, por isso, gestores começam a pesquisar planos de ação para home office após a pandemia.

 

Acompanhe 10 dias para gerir o home office após a quarentena:

 

Plano de ação para o home office das instituições públicas após a pandemia

 

1- Estabelecer critérios para a habilitação do Home Office

 

O colaborador precisa contar com o que for preciso para desempenhar a função em casa, como móveis com ergonomia necessária, um local silencioso e organização. Tais medidas evitam o surgimento de problemas, como dores de coluna, tendinites, entre outras questões de saúde. Além disso, entender como é a rotina com a família é importante, principalmente se houver filhos pequenos ou adolescentes;

 

2- Garantir os equipamentos necessários

 

Cabe à Administração Pública prover computadores e outros equipamentos que sejam necessários para a atuação dos servidores. A Administração também fica responsável por checar a segurança de dados (trabalho feito pela equipe de TI);

 

3- Revisar prazos e indicadores

 

Os gestores públicos devem fazer a checagem periódica dos prazos de entrega e outros indicadores do setor. Essa revisão é uma das principais ferramentas de controle;

 

4- Garantir acesso aos sistemas

 

É preciso prover o acesso remoto às plataformas e aos documentos provenientes da Administração Pública que servem de base para o trabalho da equipe;

 

5- Centralizar as comunicações formais em uma única plataforma

 

Para lidar com possíveis problemas na é necessário centralizar as comunicações formais, de preferência por e-mail, para garantir que ninguém se sinta prejudicado ou excluído caso não receba algum comunicado (que tenha sido feito por meio de comunicação não oficial, como aplicativos de mensagens ou celular) os aplicativos de mensagens (como WhatsApp) não gerem distrações que tirem o foco dos colaboradores;

 

6- Capacitar a equipe para lidar com o home office

 

É papel do gestor público fornecer treinamento para que a equipe saiba administrar o tempo e a produtividade ao ter que desempenhar funções remotamente;

 

7- Manter reuniões frequentes para alinhamento

 

As reuniões, quando feitas com frequência, ajudam a manter a proximidade entre os membros da equipe. Após a pandemia, se o trabalho remoto for adotado permanentemente, reuniões presenciais também serão importantes para engajamento dos servidores enquanto time e com o gestor público;

 

8- Determinar quais cargos não adotarão o home office

 

Após a pandemia, será preciso conversar com todo o time e explicar que algumas funções não poderão continuar em home office. É importante que essa comunicação esclareça todas as dúvidas, para que isso não traga problemas ou cause um clima ruim entre os profissionais da Administração Pública;

 

9- Ser um bom líder

 

O gestor público, enquanto líder, deve checar a produtividade de forma assertiva, sem demonstrar arrogância ou excesso de poder sobre os funcionários.

 

10- Ter paciência

 

O trabalho remoto demanda tempo até ser adaptado por todos da Instituição. É preciso começar pela monitoração e ter paciência.

 

 Curso de Administração Pública: conteúdos para aprimorar a gestão pública

 

O IBEGESP é um Instituto sem fins lucrativos que oferece cursos relevantes à Administração Pública para gestores e outros profissionais engajados no setor público que buscam aprimorar seus conhecimentos e melhorar a qualidade do serviço prestado à população.

Navegue pelo site para ter acesso aos cursos do IBEGESP e no mural de Notícias Diárias, que traz fatos e acontecimentos do setor.