Generic selectors
Resultados que batem 100%
Buscar no título
Buscar no conteúdo
Buscar nos posts
Buscar nas páginas
Nova regra para aprovação de concursos públicos deve reduzir contratação

IBEGESP

Redação IBEGESP

26 junho 2020

Nenhum comentário

Home Notícias

Nova regra para aprovação de concursos públicos deve reduzir contratação

Nova regra para aprovação de concursos públicos deve reduzir contratação

Concursos deverão ter estudo de impacto orçamentário de longo prazo

 

­

O Ministério da Economia exigirá a partir de 1º de julho um estudo de impacto orçamentário de longo prazo para autorizar concursos públicos na esfera federal. O Ministério justifica esta decisão pelo fato de que os servidores ficam na ativa por uma média de 3 décadas. O estudo de impacto orçamentário deverá considerar futuros reajustes salariais e possíveis progressões e promoções. 
­
Vale dizer que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) já preveem que os concursos públicos apresentem estimativas de impacto orçamentário. O cálculo atual, todavia, não considera progressão na carreira, promoções e futuros reajustes. 
­
É importante ter em mente que estudos da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGDP) calcularam o ciclo de trabalho dos servidores brasileiros, sendo que:
  • Um servidor fica em média 34,2 anos na ativa;
  • A aposentadoria dura em média 24,6 anos;
  • São 11 anos de direito à pensão dos descendentes. 
­É essencial que os servidores aprendam a lidar com estas novas regras que, sem dúvidas, impactarão a contratação de pessoal. Para saber os detalhes desta Instrução Normativa, clique aqui!
­
Fonte: Redação IBEGESP
Fonte Complementar: GOV.BR